Feeds:
Posts
Comentários

Adjetivos pátrios de estados brasileiros:

Acre – acriano ou acreano

Alagoas – alagoano ou alagoense

Amapá – amapaense

Amazonas – amazonense

Bahia – baiano ou baiense

Ceará – cearense

Distrito Federal – brasiliense

Espírito Santo – espírito-santense ou capixaba

Goiás – goiano

Maranhão – maranhense ou maranhão

Mato Grosso – mato-grossense

Mato Grosso do Sul – mato-grossense-do-sul ou sul-mato-grossense

Minas Gerais – mineiro ou geralista

Pará – paraense, paroara ou parauara

Paraíba – paraibano

Paraná – paranaense, paranista ou tingui

Pernambuco – pernambucano

Piauí – piauiense ou piauizeiro

Rio de Janeiro – fluminense

Rio Grande do Norte – rio-grandense-do-norte, norte-rio-grandense ou potiguar

Rio Grande do Sul – rio-grandense-do-sul, sul-rio-grandense ou gaúcho

Rondônia – rondoniense ou rondoniano

Roraima – roraimense

Santa Catarina – catarinense, santa-catarinense, catarineta ou barriga-verde

São Paulo – paulista ou bandeirante

Sergipe – sergipano ou sergipense

Tocantins – tocantinense

Adjetivos pátrios de capitais brasileiras:

Aracaju (Sergipe) – aracajuano ou aracajuense

Belém (Pará) – belenense

Belo Horizonte (Minas Gerais) – belo-horizontino

Boa Vista (Roraima) – boa-vistense

Brasília (Distrito Federal) – brasiliense ou candango

Campo Grande (Mato Grosso do Sul) – campo-grandense

Cuiabá (Mato Grosso) – cuiabano

Curitiba (Paraná) – curitibano

Florianópolis (Santa Catarina) – florianopolitano

Fortaleza (Ceará) – fortalezense

Goiânia (Goiás) – goianiense

João Pessoa (Paraíba) – pessoense

Macapá (Amapá) – macapaense

Maceió (Alagoas) – maceioense

Manaus (Amazonas) – manauense, manauara ou baré

Natal (Rio Grande do Norte) – natalense ou papa-jerimum

Palmas (Tocantins) – palmense

Porto Alegre (Rio Grande do Sul) – porto-alegrense

Porto Velho (Rondônia) – porto-velhense

Recife (Pernambuco) – recifense

Rio Branco (Acre) – rio-branquense

Rio de Janeiro (Rio de Janeiro) – carioca

Salvador (Bahia) – soteropolitano ou salvadorense

São Luís (Maranhão) – são-luisense ou ludovicense

São Paulo (São Paulo) – paulistano

Teresina (Piauí) – teresinense

Vitória (Espírito Santo) – vitoriense

Locuções Adjetivas

Locução (do latim locutione) – elocução, maneira de falar, expressão, dicção, linguagem.  Denomina-se locução à reunião de algumas palavras com valor de apenas uma. 
Locução adjetiva é, portanto, o agrupamento de duas ou mais palavras equivalentes a um único adjetivo. 

Seguem algumas locuções: 


de abdômen – abdominal
abelha – apícola
abutre – vulturino
açúcar – sacarino
águia – aquilino
alma – anímico
aluno – discente
anjo – angelical
ano – anual
arcebispo – arquiepiscopal
aranha – aracnídeo
asno – asinino

audição – ótico, auditivo

baço – esplênico
bispo – episcopal
boca – bucal, oral
bode – hircino
boi – bovino
bronze – brônzeo, êneo

cabeça – cefálico
cabelo – capilar
cabra – caprino
campo – campestre, bucólico ou rural
cão – canino
carneiro – arietino
Carlos Magno – carolíngio
cavalo – cavalar, equino, equídeo ou hípico
chumbo – plúmbeo
chuva – pluvial
cidade – citadino, urbano
cinza – cinéreo
coelho – cunicular
cobra – viperino, ofídico
cobre – cúprico
coração – cardíaco, cordial
crânio – craniano
criança – pueril, infantil

dedo – digital
diamante – diamantino, adamantino
dinheiro – pecuniário

elefante – elefantino
enxofre – sulfúrico
esmeralda – esmeraldino
esposos – esponsal
estômago – estomacal, gástrico
estrela – estelar

fábrica – fabril
face – facial
falcão – falconídeo
farinha – farináceo
fera – ferino
ferro – férreo
fígado – figadal, hepático
filho – filial
fogo – ígneo
frente – frontal

gado – pecuário
gafanhoto – acrídeo
garganta – gutural
gato – felino
gelo – glacial
gesso – típseo
guerra – bélico

homem – viril, humano

idade – etário
ilha – insular
irmão – fraternal
intestino – celíaco, entérico
inverno – hibernal, invernal
irmão – fraternal, fraterno

junho – junino

lado – lateral
lago – lacustre
laringe – laríngeo
leão – leonino
lebre – leporino
leite – lácteo, láctico
lobo – lupino
lua – lunar, selênico

macaco – simiesco, símio, macacal
madeira – lígneo
mãe – maternal, materno
manhã – matutino, matinal
mar – marítimo
marfim – ebúrneo, ebóreo
mármore – marmóreo
memória – mnemônico
mestre – magistral
moeda – monetário, numismático
monge – monacal, monástico
morte – mortífero, mortal, letal

nádegas – glúteo
nariz – nasal
neve – níveo, nival
noite – noturno
norte – setentrional, boreal
nuca – occipital
núcleo – nucleico

olho – ocular, óptico, oftálmico
orelha – auricular
osso – ósseo
ouro – áureo
outono – outonal
ouvido – ótico
ovelha – ovino

paixão – passional
pai – paternal, paterno
paixão – passional
pâncreas – pancreático
pântano – palustre
pato – anserino
pedra – pétreo
peixe – písceo ou ictíaco
pele – epidérmico, cutâneo
pescoço – cervical
pombo – colombino
porco – suíno, porcino
prata – argênteo ou argentino
predador – predatório
professor – docente
prosa – prosaico
proteína – protéico
pulmão – pulmonar
pus – purulento

quadris – ciático

raposa – vulpino
rio – fluvial
rato – murino
rim – renal
rio – fluvial
rocha – rupestre

selo – filatélico
serpente – viperino, ofídico
selva – silvestre
sintaxe – sintático
sonho – onírico
sul – meridional, austral

tarde – vesperal, vespertino
terra – telúrico, terrestre ou terreno
terremotos – sísmico
tecido – têxtil
tórax – torácico
touro – taurino
trigo – tritício

umbigo – umbilical
urso – ursino

vaca – vacum
veia – venoso
velho – senil
vento – eóleo, eólico
verão – estival
víbora – viperino
vidro – vítreo ou hialino
virgem – virginal
virilha – inguinal
visão – óptico ou ótico
vontade – volitivo
voz – vocal

Avaliação parcial

Governar
Os garotos da rua resolveram brincar de governo, escolheram o Presidente e pediram-lhe que governasse para o bem de todos.
___ Pois não – aceitou Martim. ___ Daqui por diante vocês farão meus exercícios escolares e eu assino. Clóvis e mais dois de vocês formarão a minha segurança. Januário será meu Ministro da Fazenda e pagará o meu lanche.
___ Com que dinheiro? – atalhou Januário.
___ Cada um de vocês contribuirá com um real por dia para a caixinha do Governo.
___ E o que nós lucramos com isso? – perguntaram todos.
___ Lucram a certeza de que tem um bom Presidente. Eu separo as brigas, distribuo tarefas, trato de igual para igual com os professores. Vocês obedecem, democraticamente.
___ Assim não vale. O presidente deve ser nosso servidor, ou pelo menos saber que todos somos iguais a ele. Queremos vantagens.
___ Eu sou o Presidente e não posso ser igual a vocês, que são presididos. Se exigerem coisas de mim, serão multados e perderão o direito de participar de minha comitiva de festas. Pensam que ser Presidente é moleza?
Já estou sentindo como esse cargo é cheio de espinhos.
Foi deposto, e dissolvida a República.

Carlos Drummond de Andrade

Vocabulário:
Comitiva: Grupo que acompanha uma autoridade
Deposto: Tirado do cargo
Dissolvida: Desfeita
Presididos: Governados, Comandados
Interpretação do texto:
1 – Quais são os personagens da narração? E quais se destacam Mais? (0,4)

2 _ Quem é o protagonista da história, isso é, o personagem principal? (0,4)

3 – O que eles resolveram fazer? (0,4)

4 – Por que o Presidente foi deposto? (0,4)
___________________________________________________________________________________________________________________________________________
5 – Assinale com X o que pode caracterizar o presidente do texto: (0,4)
a) Mandão ( X) b) Justo ( ) c) Autoritário (  ) d) Egoísta (   ) e) Democrático (   )
6 – Escreva Sim ou Não de acordo com o texto: (1,0)
a) As autoridades devem se aproveitar de seus cargos para tirar vantagem em benefícios próprios?

b) As autoridades devem agir para o bem de todos, sem se aproveitar do cargo para benefícios próprios?

Gramática
1 – Complete com os Pronomes Demonstrativos adequados: Esse, Isso, Esta, Aquela,Aquilo, Este. (1,0)
a) ……. caderno que tens nas mãos é meu?
b) ……….. que falei ontem é verdade.
c) Xuxa e Pelé falaram do Brasil no exterior; ……com o seu futebol; …….. com sua arte.
d) …… fechadura esta com defeitos!
e)…….. não tem sentido!

2 – Complete com os Pronomes Interrogativos adequados: Quem, Que, Quantos, Quanto, Qual, Quais. (1,0)
a) Há…….. anos você estuda aqui?            d) ……. custa o caderno?
b) ……. tipo de comida você gosta?                 e) …… é o resultado do jogo?
c)Mas ……. estragou a porta?                          f) ……. são as notícias?

3 – Classifique Sujeito e Predicado: (1,0)
a) Fabiano respondeu ao telefone.
Sujeito:         

c) Meu pai e minha mãe duvidaram de sua honestidade.
Predicado:                                                                    Sujeito:
b) Os alunos precisam de notas.                                                                                      Predicado:
Sujeito:                                                                                                   d) Saiu correndo, o cachorrinho.
Predicado                                                                             Sujeito:
Predicado:
e) Professores e alunos correram no pátio.
Sujeito:

Predicado:

Olá para todos!

Sejam bem vindos a página de atividades do blog da Bruxinha.